Junta Comercial de Mato Grosso do Sul registra abertura no total de 490 empresas

O ano começa confirmando a tendência de melhora na economia. A Junta Comercial de Mato Grosso do Sul (Jucems) registrou, em janeiro, a abertura de 490 empresas, melhor resultado dos últimos cinco anos para o mês. Mudanças no cenário político nacional e os indicadores da economia estadual são apontados pelo secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck, como fatores que influenciam a tomada de decisão por parte dos empreendedores.

 

“Há uma relação direta entre a confiança do empreendedor e o aumento do número de abertura de empresas. Temos acompanhado mês a mês esse comportamento, não só na quantidade quanto na qualidade dos novos negócios. Demonstra a vitalidade de nossa economia, o que atrai mais investimentos, gera empregos, aumenta o consumo, melhora a performance do Fisco, estimula um ciclo de crescimento em todos os setores”, diz o secretário.

 

Já a modernização dos serviços da Jucems Digital agiliza os processos e contribui para o saldo positivo na abertura de empresas, pontua o presidente da Junta, Augusto Cesar Ferreira de Castro. A Jucems Digital está em atividade desde novembro do ano passado e permite que serviços como constituições, alterações, extinções e arquivamento de outros documentos de interesse do empresário, além de emissão de certidões, possam ser feitos de forma remota, pela internet, a qualquer horário do dia. O sistema trouxe agilidade e simplicidade ao processo de abertura de empresas, um antigo gargalo que afetava o setor empresarial e que foi resolvido.

 

Setores

 

Quase dois terços do total de empresas abertas em janeiro (315) se enquadram no setor de serviços, outras 147 são firmas comerciais e 28 são indústrias. Transportes, consultórios médicos e odontológicos e lojas de artigos de vestuário e acessórios são subsetores que se destacam. Campo Grande concentra o maior número de novas empresas (200), seguida de Dourados (16), Ponta Porã (12), Paranaíba, Naviraí, Nova Andradina e Rio Brilhante, com 11 empresas cada. Ainda em janeiro, a Jucems registrou 1.749 alterações nos registros de empresas e 206 extinções.

 

Veja na tabela o desempenho dos meses de janeiro nos últimos cinco anos com relação à abertura de empresas:

 

Jucems – Junta Comercial do Estado de Mato Grosso do Sul
Exercício 2015 2016 2017 2018 2019
Janeiro 446 332 427 445 490


CCJ rejeita fim de cotas de candidaturas por gênero nas eleições

Esportes